D-RIBOSE

24 de janeiro de 2019 por Temistocles Neto0

Quem pratica atividade física certamente já experimentou as dores musculares no dia seguinte. Isso acontece porque os níveis de energia baixam muito depois de executar exercícios de musculação ou movimentos que desencadeiam uma fadiga muscular.
.
Para recuperar a energia empregada nesses treinos ou movimentos contínuos o organismo precisa criar a ATP (adenosina trifosfato), substância central para a respiração celular e produção de energia. Sem a ATP a produção energética é muito menor.
.
Nessa cadeia de reposição a D-Ribose é o principal fornecedor de energia e atua como matéria-prima essencial para a formação de ATP. Cada célula no corpo humano produz esta molécula de açúcar simples (uma pentose, com 5 átomos de carbono, ao invés do açúcar que é uma hexose, com 6 átomos de carbono), mas isso ocorre muito lentamente e em graus variáveis, dependendo do tecido.
Benefícios: – Redução de fadiga e dor muscular pós-treino;
– Melhora da força contrátil do músculo esquelético e cardíaco;
– Melhora do perfil glicêmico dos diabéticos;
– Melhora da disposição em pacientes com fibromialgia;
– Melhora do bombeamento cardíaco em pacientes cardiopatas;
– Indicado a pacientes saudáveis como prevenção cardiovascular, etc.
.
Referência: 1- Gusstafsson AB, 2008. ; REVISTA ESSENTIA PHARMACIA, ED. SET 2012, PAG 74


Deixe uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *


logob

Sou formado desde 2010 pela Universidade Federal de Rondônia e moro em Brasília há 8 anos após ter vindo servir o Exército Brasileiro. Sou Servidor da SES/DF há 6 anos na função de Médico de Família e Comunidade/Clínica Médica, sendo função atual na SES.

Posts Recentes

© 2020 Dr Temístocles Neto. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por: UPJÁ